Fazer a gestão financeira do seu negócio é mais que registrar as entradas e saídas do caixa e saber que os recursos que entram são o suficiente para cobrir as despesas. Para medir se sua empresa está crescendo, é importante saber de que forma o dinheiro está entrando e para qual finalidade os recursos foram gastos. Só assim é possível fazer não apenas o controle, mas também o planejamento financeiro. E a melhor ferramenta para isso é o fluxo de caixa.

Fluxo de caixa é um instrumento de controle da movimentação financeira de um negócio por um determinado período de tempo (semanas, meses, anos), com base no registro detalhado das entradas e saídas de dinheiro. Por meio do fluxo de caixa, o empreendedor pode enxergar as movimentações financeiras ao longo do tempo e, assim, tomar as melhores decisões sobre como utilizar o dinheiro da empresa.

Por que é importante analisar as entradas e saídas financeiras por um período de tempo? Vejamos um exemplo: em um mês específico, o faturamento foi alto. No entanto, no final do desse mesmo mês, entra o primeiro pagamento de um financiamento de grande valor feito para investir em maquinário novo. Dessa forma, aquele mês que parecia ter sido de lucro, na verdade gerou receita apenas para cobrir uma despesa anterior.

Outro exemplo clássico é o da venda à prazo: em uma determinada semana, sua empresa vendeu bastante, porém, à prazo. Os primeiros recebimentos serão em 60 dias. Porém, as contas básicas da empresa (luz, água, aluguel) vencem no final do mês. Por meio do fluxo de caixa, é possível ver claramente cenários como esse e se planejar para lidar com eles.

Vimos então que o fluxo de caixa pode ser uma excelente ferramenta de gestão financeira para o seu negócio. Mas, para que assim seja, é preciso tanto coletar esses dados de maneira correta e regular, como frequentemente analisar os dados gerados nesse processo.

Ao realizar essas análises periódicas, o empreendedor pode controlar, planejar e até mesmo prever as entradas e saídas financeiras de sua empresa, com base na comparação com dados de períodos anteriores e observando a sazonalidade. Pode, também, ver se a empresa está operando com aperto ou folga financeira, além de ter dados para ajustar seus preços e fazer promoções. São inúmeras as possibilidades.

Muitas micro e pequenas empresas fazem o seu controle financeiro por meio de planilhas, com as quais é possível fazer o fluxo de caixa. Porém, na medida que o volume de entradas e saídas aumentam com o crescimento da empresa, o ideal é fazer o fluxo de caixa por meio de um software. Assim, os lançamentos são facilitados e os relatórios são gerados automaticamente. Além disso, o programa deve ter um bom sistema de backup para a segurança dos dados. Ter informações financeiras da sua empresa por longos períodos é importante para fazer análises comparativas e crucial para previsões.

O software SG Master Sistema de Automação Comercial é perfeito para o fluxo de caixa automatizado de uma micro ou pequena empresa. Com ele, é possível fazer o controle detalhado de todas as entradas e saídas financeiras de seu negócio, com filtros e cores para facilitar a visualização. O sistema não só gera relatórios automáticos detalhados conforme o critério selecionado, mas também possui ferramentas para fluxo de caixa futuro, totalizador inteligente de pagamento e recebimento de acordo com o filtro e replicação inteligente de parcelas a pagar e a receber, dentre outras. São diversas funções para facilitar a gestão financeira de sua empresa.